Conto

Conto

“O tamanho não faz mal a esse gênero de histórias, é naturalmente a sua qualidade.” Machado de Assis

O que é o Conto?
O conto é como forma simples, expressão do maravilhoso, linguagem que fala de prodígios fantásticos, oralmente transmitido de gerações a gerações e adquirindo uma formulação artística, literária, escorregando do domínio coletivo da linguagem para o universo do estilo individual de um certo escritor.

Origem & Definições
O conto é descendente direto da tradição oral. A transmissão de conhecimento através da palavra, anterior à escrita.
É a mais breve e simples narrativa centrada em um episódio da vida.
É uma narrativa curta, que num primeiro momento, tinha caráter fantástico ou didático.

Fábula
A Fábula é uma espécie de conto, pois é uma das antigas formas de narrativa. Na fábula, a narrativa é inverossímil, tem fundo didático e transmite uma lição moral.

Os personagens geralmente são animais. Esopo foi o primeiro grande fabulista do mundo ocidental. Posteriormente, La Fontaine retomou algumas das fábulas de Esopo.

A Fábula diferencia-se do conto quando seu contador tira do fato relatado uma lição de moral.

Nessa categoria também podem ser colocados os contos de fadas, que é uma narrativa de ficção tendo na fantasia, dons sobrenaturais, personagens e objetos enfeitiçados, fatos que conduzem ou dão solução a uma história são simples, inesperados e, geralmente, justificados na magia.

Estilos
Há vários estilos de contos. Um dos mais utilizados ainda é baseado na forma de compilação de várias histórias como nas Mil e Uma Noites e até mesmo o Decameron.

A forma do conto modificou-se com o passar do tempo, indo desde os primórdios como os contos infantis e os contos populares até sentir a influência das épocas ou dos narradores.

Alguns críticos literários classificam as passagens da bíblia, assim como a Ilíada e a Odisséia como uma série de contos, justamente por ter como origem a história oral.
Tipos de Contos

Humor e Cômicos
Fantásticos
Mistério e Terror
Realistas
Psicológicos
Sombrios
Religiosos
Minimalistas.

Consolidação e Desenvolvimento
A consolidação se deu na Idade Moderna e os principais livros de contos são: Contos de Canterburry (Canterbury Tales), de Chaucer, “O Decameron”, de Bocaccio e as ”Mil e Uma Noites”.

Durante o século XIX, devido a uma queda na produção de romances longos, o conto tomou impulso por contar histórias curtas (short-story) e caiu no gosto da população, auxiliado pela expansão da imprensa notadamente nos EUA, onde o termo short-story foi cunhado.

Conto Contemporâneo

• O conto contemporâneo interage com o leitor fazendo-o ir além do que não está escrito no conto.
• Concisão, brevidade, economia de palavras, profundidade, unidade de tempo e ação, narração de um episódio (início, meio e fim), poucos personagens.
• A figura do orador, aquele que contava as histórias na transmissão oral, com o advento da escrita, tornou-se o narrador, que passou a ter preocupações estéticas e criativas.
• Apresenta apenas uma célula dramática.
• Poucos personagens intervêm na narrativa.
• Cenário limitado, espaço restrito.
• Diálogos sugestivos que permitem mostrar os conflitos entre as personagens.
• A ação é reduzida ao essencial, há um só conflito.
• A narrativa é objetiva, por vezes, a descrição não aparece.

© Jorge Alberto

23 comentários sobre “Conto

  1. Adorei! Os esclarecimentos foram muito úteis para mim. Pois, Sou escritora e tinha uma certa dúvida quanto ao gênero dos meus textos. Agora eu sei,eu escrevo contos que também são fábulas. Muito obrigada. Lucimone de Divinópolis, MG

    Curtir

  2. Penso em dar uma opção à aqueles que escutam uma explicação, seja qualquer assunto o receptor fica atento ao transmissor se um “colorido” no assunto tiver. Orador e suas fábulas na manga.
    Obrigado.

    (futuro orador)

    Curtir

  3. Rosane,

    Muito obrigado por suas palavras visita ao Recanto das Palavras e sempre será um prazer recebê-la em meu blog.

    Um grande abraço.

    Jorge Alberto

    Curtir

  4. Adorei! o site salvou a minha vida e do meu grupo 😀 perfeito! estão todos de parabéns!

    Curtir

  5. e a propósito, vocês poderiam me indicar um site onde eu consiga algum exemplo de conto conteporâneo ?

    desde já, obrigada 😡

    Curtir

  6. Jackeline,

    Bom saber que, de alguma forma, contribuí para que você e seu grupo tenham conseguido material para um trabalho.

    Eu indicaria qualquer conto do Rubem Fonseca. Entretanto, faço uma ressalva, são bem realistas.
    Veja no site do Portal Literal uma breve introdução.

    Portal Literal

    Curtir

  7. Nossa, muito legal essas informações, me ajudou bastante em meu trabalho, mas..
    Alguem sabe exemplificar cada tipo de conto q cita ali? queria apenas o titulo e o autor de todos os tipos de contos q tem ali, eh pra amanha cedo. =/
    Se alguem puder me enviar no email?
    gakmargo@hotmail.com

    Curtir

  8. vale a materia me ajudo
    foi legal
    adoreis ese site
    xau bjos
    baixo guandu es

    Curtir

  9. Oie… esse site me ajudou mtu.Hum poderim me indicar um site cm exemplo de conto comtemporâneo??
    ajudaria mtu mais ; D brigada

    Curtir

  10. Estou pesquisando os “Contos” na internet no intuito de abrir um site a eles dedicados. Seu texto foi simplesmente esclarecedor além de preciso e focado no que realmente importa.
    Vou segui-lo sob o codinome Toca de Lobo. Valeu!

    Em tempo: Posso contar com seu apoio neste desenvolvimento. Preciso do seu e de todos os apoios possíveis, sou neófito nesta área, só gosto de escrever e ler.

    Curtir

  11. Não podemos esquecer nosso admirável Rubem Fonseca, que a meu ver, é o maior contista brasileiro de todos os tempos (Machado de Assis que me perdoe)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s