De quem é a língua?

Em linhas gerais, a língua pertence ao país de origem da mesma, tanto que leva o nome da região em que surgiu e se desenvolveu; porém, o passar dos séculos – Conquista e Colonização – mostrou que as línguas europeias: Inglês, Francês, Espanhol e Português se tornaram línguas pátrias nas ex-colônias do Novo Mundo e também na África. E, ao que parece, o acordo ortográfico da Língua Portuguesa criou um entrave econômico.

 © Images.com/Corbis O mercado de livros didáticos em Português, na África, é dominado pelas editoras lusitanas que, segundo a informação da BBC Brasil, teme a presença da produção editorial brasileira neste continente; ao ponto de um representante das editoras portuguesas declarar que talvez houvesse um boicote ao acordo por parte dessas editoras.

Como se vê, a questão ainda dará o que falar e escrever.

Volto à pergunta: De quem é a língua?

Hoje, após cerca de 200 milhões de brasileiros falarem Português, a nossa versão da língua de Camões é marcada por palavras africanas e nativas.  Muito provavelmente, em Portugal, apenas saibam, por causa da famosa garota, que Ipanema é uma praia do Rio de Janeiro; o que não sabem é que a palavra de origem tupi significa “água ruim”, isto é, não era boa para a pesca. Imagino que apenas os historiadores portugueses que se debruçaram sobre a história da mineração no Brasil durante o século XVIII, saibam que o Arraial do Tijuco, local do amor idílico entre o contratador e Xica da Silva, tenha por significado “brejo”. Talvez, os cronistas esportivos saibam que o atual técnico do São Paulo Futebol Clube se chame Muricy, mas, muito provavelmente, não sabem que a palavra dá nome a um fruto meio azedo – Seria, portanto, o caso do nome certo para a pessoa certa? -.

Por estes, e vários outros motivos, acredito que, hoje, os brasileiros falem a Língua Brasileira, que é uma derivação da Língua Portuguesa peninsular. E, que me desculpem os portugueses, minha pátria é minha língua.

Aqui nós temos Drummond, Bandeira e uma boa gafieira.
Somos filhos de Jesus, Xangô e Tupã.
Muitos de nós viemos ao mundo pelas mãos de uma parteira.
Santa Bárbara é Iansã
Chega a doer nos ouvidos, saber que menino é puto
Dói nos ouvidos por mais de um minuto
Dura Lex Sed Lex
Trem não é comboio
Camisinha não é durex
E o que dirá do aboio?
Picas ao cu por aqui tem outro significado
A injeção é dada no braço ou na bunda
Vermelho não é encarnado.
Sobrenome é Almeida
E não quem varre as alamedas
Tela não é écran
Se falar isso parecerá tantã
Somos irmãos…

Anúncios

Um comentário sobre “De quem é a língua?

  1. A colonização influencia nada denominação Língua portuguesa e não Brasileira.. rs
    O que eu acho corretíssimo! rss

    Mas isso não acontece só aqui. Sabia que na Holanda a língua materna é o inglês e não o Holandes? Somente os mais velhos falam Holandes.

    bjssss

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s