O poder da vírgula

Vírgula pode ser uma pausa… ou não.
Não, espere.
Não espere.

Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.

Pode ser autoritária.
Aceito, obrigado.
Aceito obrigado.

Pode criar heróis.
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.

E vilões.
Esse, juiz, é corrupto.
Esse juiz é corrupto.

Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.

A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.

Uma vírgula muda tudo..

ABI: 100 anos lutando para que ninguém mude uma vírgula da sua informação.

SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE QUATRO À SUA PROCURA.
Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de MULHER.
Se você for homem, colocou a vírgula depois de TEM.

Esse texto foi enviado por um amigo jornalista e imagino que tenha sido elaborado para a comemoração dos 100 anos da ABI (Associação Brasileira de Imprensa). Infelizmente desconheço a autoria.
Anúncios

14 comentários sobre “O poder da vírgula

  1. Parece insignificante, mas este pequeno sinalzinho faz toda a diferença. Li uma crônica de Martha Medeiros baseada na temática da vírgula dia desses. Bem parecida com este conteúdo. É uma forma divertida de pensar em medir melhor as conseqüências de se aplicar vírgulas de qualquer jeito nas frases. E faz diferença, como faz!

    Taís Brem

    Curtir

  2. Poderosíssima, Jorge! Já perdi a conta de quantas vezes ela derrubou um texto meu… Nesse nosso relacionamento, às vezes tão catastrófico, minha única vantagem é assumir o erro. Fazer o quê?… Bjs e inté!

    Curtir

  3. Thaís,
    eu não sabia que havia um outro texto tratando da vírgula. Seria bacana, se possível, você nos mostrar.

    Abraços.

    Lyani,
    Tão logo eu vi o texto, achei sensacional. Apenas fiz a imagem da vírgula usando um programa gráfico e postei. Realmente, a Internet é um Universo de descobrimentos.

    Abraços.

    Ju,
    Eu não duvido que uma vírgula também tenha derrubado seus textos. Eu diria que fico lendo e relendo para ver se não coloquei uma vírgula em lugar errado, fora do lugar ou esqueci de colocar. É muito engraçado. O pior é que eu tinha uma mania danada de separar sujeito do verbo com vírgula. Um erro crasso, que sempre me faz policiar, neste sentido, os meus escritos. 🙂

    Bjs.

    Curtir

  4. Adorei, um amigo me mostrou..Jah passou da hora de o brasileiro saber usar a poderosa virgula ….

    Curtir

  5. Ola tudo bem,

    me diga uma coisa, tem diferença essa frase?

    1) Os garotos que estavam na sala de aula foram expulsos.

    2) Os garotos, que estavam na sala de aula, foram expulsos.

    Tenho uma professora que disse em sala de aula que, essa frase tem significado diferente, você sabe achar?

    Curtir

  6. Sobre a diferença entre as frases do post do André Luis Amaral:

    1) Os garotos que estavam na sala de aula foram expulsos.

    2) Os garotos, que estavam na sala de aula, foram expulsos.

    Meu palpite é que na primeira frase todos os garotos que estavam na sala foram expulsos. Na segunda frase, a informação de que estavam na sala é somente um complemento, portanto não necessariamente todos que estavam na sala foram expulsos.

    Bom desafio! É dificil ver pessoas aplicando corretamente a pontuação, concordância, etc. Tive uma chefe com pós doutorado que falava “menas” (colocando o “menos” no feminino). Eu, que sou formado em Desenho Industrial, muitas vezes corrijo texto de professores bem mais graduados. Rrssrrsrs.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s