Racismo em quadrinhos

₢ BBC Brasil

A confusão foi gerada por causa da capa e do título de uma história em quadrinhos que existe desde 1940, que traz na edição também vendida nos EUA, o personagem principal como candidato a presidência numa suposta alusão a Barak Obama.  O mais engraçado é que o redator da BBC Brasil se enrolou ou ficou com medo de não ser politicamente correto (outra praga do mundo atual) e classificou-o como negro duas vezes na mesma frase.

Muitos viram nesta revista uma alusão às eleições americanas. O negro Barak Obama é negro e é pré-candidato à sucessão do presidente George W. Bush.

A situação do quadrinho se tornou gritante por causa da passagem da fronteira, isto é, aquilo que para os mexicanos pode ser visto como natural no México, nos EUA não é tão natural devido a todo processo de luta por igualdade social que os negros norte-americanos empreenderam até agora.

Pelo menos foi isso que fez levar uma rede de lojas dos Estados Unidos retirar das prateleiras a revista em quadrinhos mexicana chamada Memín Pinguín, que conta a história de um menino negro, que é engraxate, e sua mãe. Tanto a criança quanto sua mãe são estereotipadas da pior maneira que se poderia fazer com uma etnia. Isto demonstra certos ranços e ao mesmo tempo é algo que está enraizado no inconsciente.

Muitos poderão dizer: “Ora, não temos nada com isso”. Temos sim! Basta ser “o outro” para ser discriminado. Lembremos do exemplo recente em relação a barração de brasileiros em aeroportos espanhóis e agora, parece que a Inglaterra adotará o mesmo procedimento.

Talvez ainda não se tenha dimensionado o poder de influência que os quadrinhos podem ter no cotidiano. É um fato cultural este tipo de expressão artístico-literária, mas que pode trazer, assim como todos os meios de comunicação, coisas boas ou coisas não tão boas.

Ainda neste site da BBC Brasil há links para mais cinco artigos sobre Quadrinhos que valem a pena.
Agata Christie é adaptada em quadrinhos
Escolas alemãs usam HQ para explicar Holocausto
Alemães lançam HQ que explica o islamismo
Marvel coloca parte de acervo para leitura na internet
Premiê britânico vira personagem de HQ

Anúncios

6 comentários sobre “Racismo em quadrinhos

  1. Eu achei esse quadrinho super sem graça….
    racismo total,ñ sei como alguem pode fzr isso… antes botasse um negro…querendo dizr que os negros são primatas!
    SUPER DE MAL GOSTO!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s