Gazeta da Terrinha (1) [FOI DESCOBERTO O BRASIL !!!]

Esta é uma versão lúdica a respeito do Descobrimento do Brasil, que foi escrita por mim um pouco antes da comemoração dos 500 anos da chegada dos Portugueses. Humores e rancores podem não combinar, mas certamente a forma lúdica é de grande valia para o aprendizado. Quem se sentir ofendido ou achar politicamente incorreta, entenda que isto é apenas uma brincadeira.

__________________________________________________________________________________________________

Detalhe de uma das naus usadas na valorosa frota do Almirante Cabral. Nosso repórter, Joaquim Manoel, fez diversas entrevistas com a tripulação e com os nativos. Não deixe de ler também a entrevista que o nosso outro correspondente, Manoel Joaquim, fez na África com um verdadeiro chefe de tribo africana.

______________________________________________________________________

– Na seção de moda, António Paneleiro dá uma visão geral do último grito da coleção eterno verão das Índias.

– Leia e tente imaginar o sabor da comida nativa na coluna de Nuno Bothekkin

– Na coluna de Pedro Trás-os-Montes fique sabendo das últimas novidades sobre o descobrimento.

_________________________________________________________________________________________________

A nossa analista de economia, Maria do Tamanco Tavares, falará sobre o Mercantilismo, Crise Comercial, o Eixo Econômico do Mediterrâneo e também as grandes commodities do momento: pimenta, canela, cravo, noz moscada e aposta firmemente no Pau-Brasil como novo foco de investimentos de curto prazo.

_________________________________________________________________________________________________

Da mesma forma que está nesta litogravura, feita pelo nosso mestre artesão, vocês podem observar as paradisíacas praias da mais recente descoberta do povo lusitano. O sol brilha durante quase o ano inteiro, na região que será chamada no futuro de Porto Seguro. Pena é que estará infestada de turistas que a visitam e emporcalham nas férias de verão, quando descem aos bandos de seus aviões de vôo fretado. No século XXI, os remanescentes dos nativos venderão souvenirs para sobreviver.

__________________________________________________________________________________________________

Você quer se livrar das forças do mal ?
Procure por nós ou nós te encontraremos.
A AIA (Associação dos Inquisidores Anônimos) irá lhe ajudar.
Nossos métodos são quentes. Rua Torquemada, 666

§

Armazém Pequim
Bússolas, astrolábios e pólvora. Pertinho do porto e de você.

§

Empresto dinheiro rápido !
Apenas 100% de juros. Pague assim que voltar da viagem.
Aceito suas roupas como garantia. Jacó.

§

Precisa-se de escravo.
Se você é negro e de boa aparência vá até a rua do Mercado, 1851.
Referências.

§

Capitão Genovês.
Oferece seus serviços e sua grande
experiência na travessia do Atlântico.
Cristovão.
Carta de referência assinada por
Fernando e Isabel.

§

A terra é plana!
Roma.

Anúncios

4 comentários sobre “Gazeta da Terrinha (1) [FOI DESCOBERTO O BRASIL !!!]

  1. não gostei do trabalho, esta uma merda baralhou-me a cabeça a professora disse-me o mesmo

    Curtir

  2. Caro Diogo.

    Antes de tudo, gostaria de agradecer por sua visita ao Recanto das Palavras e espero que você volte sempre, pois imagino que venha a ser de seu agrado, um dia.

    Cabe, porém, informar que você cometeu o erro básico de qualquer aluno que passou a dispor da internet para fazer seus trabalhos escolares, isto é, copiou e colou sem ao menos ler o que copiava e colava. Não se preocupe. Aqui no Brasil, os meus alunos fazem o mesmo. Portanto, você não está só, mesmo que esteja do outro lado do Atlântico.

    Ao mesmo tempo, também imagino que seja uma deficoldade encontrar algo que seja interessante facilmente. Tudo que queremos e gostamos não nos vem gratuitamente, pois sempre há uma carga de dificuldades, por mínimas que sejam, para que alcancemos nossos objetivos.

    E, para finalizar, caso você tivesse se dado ao trabalho de ler o cabeçalho do primeiro artigo da série Gazeta da Terrinha, veria que é um texto de humor, lúdico, em que é usada a ironia e a sátira para demonstrar aspectos interessantes das histórias tanto de Portugal quanto do Brasil, quando do “descobrimento”. Espero, sinceramente, que isto não tenha embaralhado (no Brasil é assim que escreve) sua cabeça, bem como de sua professora, a quem mando um sincero abraço como colega de profissão.

    Cordialmente,
    Jorge Alberto

    ps. Você não fala a palavra merda em sala de aula, certo?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s