Acordo Ortográfico ainda gera polêmicas

Certa vez George Bernard Shaw, o dramaturgo, jornalista e escritor irlandês, disse que a Inglaterra e os Estados Unidos eram dois países irmãos separados pela mesma língua. Não sei se é o mesmo caso se aplica ao Brasil, Portugal e demais países do bloco denominado de PALOP (Países de Língua Oficial Portuguesa). Muito provavelmente sim, pois se até dentro de um próprio país uma mesma palavra tem conotações diferentes, imagine quando as distâncias são transatlânticas.

Agora são os autores africanos de língua portuguesa que estimulam o debate sobre o acordo lingüístico (atenção pois o trema não será mais usada). Alguns como o moçambicano Mia Couto acha que este acordo tem omissões, exclusões e casos especiais que dificilmente consegue vislumbrar uma mudança efetiva. Ao mesmo tempo, do outro lado da África, José Eduardo Agualusa, defende que deve-se adotar a ortografia brasileira caso Portugal imponha alguma resistência.

Confira maiores informações aqui e aqui.

Anúncios

Um comentário sobre “Acordo Ortográfico ainda gera polêmicas

  1. Pingback: Jorge via Rec6

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s